Javier Bragado. “Live and loud 2.0”

Exposicion-Javier-Bragado-Destacada

A primeira vez que assisti a um concerto com uma câmara fotográfica foi no dia 23 de abril de 2008.

Desde esse dia a música e a fotografia converteram-se nos dois eixos básicos sobre os quais desenvolvi a minha carreira profissional, procurando encontrar nos palcos a sinergia entre o som e a imagem, entre as notas e as cores, numa pesquisa constante de recuperar o artista como ícone, como referente cultural.

Trata-se de tentar recuperar a importância da fotografia como parte substancial e necessária de uma indústria musical que não só produz milhões de euros ao ano, como também mobiliza milhões de pessoas movidas por sentimentos comuns. E é aí, onde a fotografia, no sentido mais tradicional e clássico do termo, deve recuperar o seu papel essencial como transmisor dessa parte tão importante da cultura popular. Numa época de consumo em massa de imagens através de redes sociais e telemóveis, onde cada vez é mais complicado encontrar referentes, a fotografia musical deve avançar no sentido oposto.

Precisamos de voltar novamente à obra única, à imagem capaz de ficar gravada na retina das novas gerações e ultrapassar as barreiras do imediato, capazes de criar Ícones que perduram no tempo.

 

19 de outubro de 2019 – 23 de fevereiro de 2020 | Centro Português de Fotografia (Oporto)

Inauguração: 19 de outubro (16:00). Visita guiada do artista (16:30 – 17:00)

Compartilhar em redes sociais
Informação do evento
Parceiros